quinta-feira, 29 de dezembro de 2016
Título original: Silent Night Man
Título: Tempo de Sedução
Autor: Diana Palmer
Tradução: Gracinda Vasconcelos
Série: Homens do Texas 40
Editora: Harlequin
Ano: 2015
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

É Natal, mas o momento não é nada feliz para Millie Evans e o agente especial Tony Danzetta. Um amigo em comum morreu, cometeu o suicídio, John, um homem doente, que acabou com a viada pessoa e social de Millie com mentiras e calunias.

Já para Tony, John se fez de santo, de vitima, lhe contando milhões de mentiras, que o agente acreditou. Amigos desde a infância, apesar de ficar muitos anos fora do país, Tony acreditou no amigo, mesmo sabendo que as pessoas mudam com o passar dos anos.

Antes de cometer suicídio John deu dinheiro a um assassino profissional para matar Millie, pois se ele não poderia tê-la ninguém mais a teria. Com a corda no pescoço a mocinha se vê obrigada a aceitar ajuda de seu desafeto. Tony vai tentar protegê-la, mas com seu temperamento irascível e truculento pode colocar tudo a perder. Só lendo para saber o que aconteceu com Millie e Tony.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Tempo de sedução

O que Millie Evans deseja no Natal? Ficar a salvo! Antes de morrer, seu perseguidor contratou um assassino profissional para matá-la. Agora sua vida está nas mãos hábeis do agente especial Tony Danzetta, o homem que jurara protegê-la… e por quem Millie sempre nutriu uma paixão. Quando Tony decide levá-la para sua casa a fi m de mantê-la em segurança dia e noite, Millie começa a sonhar que poderá tê-lo, definitivamente, ao seu lado.    



Obs.: Se você quer saber mais sobre a autora Diana Palmer e seus livros entre no blog: 
http://su-romanticgirl.blogspot.com.br/  da "Suelen Mattos" a nossa especialista em Diana Palmer aqui no Brasil.
quarta-feira, 21 de dezembro de 2016
Título original: Gêmeas
Autor: Mônica de Castro
pelo espírito Leonel
Editora: Vida & Consciência
Ano: 2010
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

Não importa se você gosta ou não de literatura espiritual, pois a história deste romance é maravilhosa, mesmo que não tenha interesse pelo corpo mental, corpo astral ou chakra, mesmo assim, pode se ter muito prazer com a leitura deste romance.

Apesar de ter mais de 500 páginas, a leitura flui, pois tem uma linguagem dinâmica. E é fácil se apegar aos acontecimentos que passam as gêmeas Suzane e Beatriz, sem falar dos respectivos pais e namorados.

Não entrarei em detalhe para não estragar, mas vou transcrever uma passagem que adoro, para que vocês tenham uma idéia:

...Amar os inimigos não significa ter-lhes afeição... ...Significa não odiar, não alimentar desejos de vingança, não tripudiar, não ser oportunista nem aproveitar as situações para humilhar ou zombar. Notamos que estamos começando a amar os nossos inimigos quando o mal que os atinge não nos dá prazer.” 

É por isso e muito mais que recomendo esse livro, pois, meus caros amigos, vai valer cada segundo empregado na leitura deste romance, eu garanto. 

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

GÊMEAS

Não se separa o que a vida juntou.

A história das gêmeas Suzane e Beatriz, cheia de aparente coincidência impossíveis e inexplicáveis, leva-nos a compreender que existe um sistema inteligente de leis que rege nosso destino. Essa história nos ajuda a compreender que nossas ilusões do mundo nos cegam   e nos distanciam dos verdadeiros valores da vida. Nossos caminhos se entrelaçam nos levando a experiência que nos revelam a certeza e a perfeição de tudo.



Sinopse:

Gêmeas têm como cenários o interior do Mato Grosso e as cidades do Rio de Janeiro e Brasília. No enredo, duas irmãs gêmeas recém nascidas são vendidas pela mãe e, assim, separadas ao nascer. O pai das crianças, ao descobrir a negociata, é assassinado ao tentar evitá-la. A trama, a partir dessas fatalidades, é repleta de situações aparentemente eventuais que vão moldando a vida de mãe e filhas até que o inevitável reencontro acontece.

A história, que começa em meados da década de 80, mostra como a espiritualidade pode interferir em nossa vida terrena e nos ensina que as casualidades, sincronicidades e coincidências nada mais são do que a aplicação das leis cósmicas e perfeitas que Deus criou para nos auxiliar na trajetória da nossa evolução.

A falta de conhecimento sobre a espiritualidade, no entanto, muitas vezes impede que tenhamos uma visão mais real da vida e do quanto ela é generosa, sempre favorecendo o nosso crescimento. Afinal, a vida colabora com nosso desenvolvimento, mas exige que cada um faça a sua parte.
domingo, 18 de dezembro de 2016
Título original: Treat Her Right
Título: Uma Amante Maravilhosa
Autor: Lori Foster
Tradução: Vera Vasconcellos 
Série: Homens do Resgate 04
Editora: Harlequin
Ano: 2014
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Havia  me apaixonado por Zack no livro do Mick, mas adorei conhecê-lo melhor. É sem duvida um homem extraordinário além é claro de ser uma figura. E sua menininha não fica atrás é um doce. É evidente que Wynn só poderia se apaixonar pelas duas figuras imediatamente.

Por falar em Wynn, nunca gosto das descrições que fazem de mulheres grandes, mas Lori colocou tudo sobre a olhar de Zack, o que além de charmoso, ficou divertido, apesar de “gigante”(L) a moça é extremamente feminina. O que deixou nosso paramédico calmo e certinho, na maior confusão, foi adorável percebê-lo no total descontrole por causa de uma mulher.

O único problema é que Zack tem uma ideia ridícula de que tem que encontrar uma mulher completamente diferente de Wynn para ser sua esposa e exemplo para Dani. Surtei com essa ideia do paramédico, qual é? Será que ele não percebe que o mais importante é o amor que os três sentem um pelo outro?

RECOMENDADÍSSIMO!!!!    



Contra Capa:

UMA AMANTE
MARAVILHOSA

Zack Grange estava no mercado em busca de uma esposa, mas não poderia ser qualquer mulher. Ele queria alguém que fosse o exemplo perfeito para sua garotinha. Quando Wynn Lane se muda para a casa ao lado, Zack seria capaz de enumerar cada detalhe do que jamais desejaria para sua filha. Nenhuma atrevida deveria sequer se aproximar dela. Mas essa era a visão dele de pai, porque o homem gritava “Quero você!”. Wynn não era nenhuma florzinha e nem mudaria seu modo de ser apenas para agradar Zack. Não que ele tivesse pedido. Ainda assim, ela gostaria que ele a vise como algo mais do que uma amante… Ou que dedicasse a Wynn pelo menos metade do amor que ela recebia de sua filhinha…
quinta-feira, 8 de dezembro de 2016
Título original: Playlist For The Dead
Título: A Playlist de Hayden
Você nunca conhece uma pessoa até ouvir o que ela gosta.
Autor: Michelle Falkoff
Tradução: Amanda Orlando
Editora: Novo Conceito
Ano: 2015
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha.


Resenha:

É muito difícil compreender o que se passa dentro de cada pessoa ou o que leva uma pessoa tirar a própria vida. Pior ainda é para aqueles  que ficam, a culpa é enorme, a sensação que poderia ter feito algo para evitar só torna tudo ainda mais difícil.

Foi extremamente interessante a forma que a autora encontrou de demonstrar os sentimentos e aflições de Hayden através da playlist. Também foi  possível compreender as frustrações de todos os envolvidos

É muito fácil culpara a todos quando só temos um lado da história. Mas não se pode esquecer que o egoísmo de um pode ser fatal para todos.    

Gostei muito da história, mas fiquei com uma sensação de vazio no final, me pareceu que faltou algo, mas se formos analisar profundamente perceberemos que as perdas são realmente assim, nos deixam um gosto amargo na boca e um imenso vazio.  

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Para SAM
OUÇA. Você vai entender.

Intriga, dor e desejo. Uma história intensa
-Holly Goldeberg Sloan,
Autora best-seller do “The New York Times”  



Sinopse:

ISTO É O QUE SAM SABE:

Houve uma festa.
Houve uma briga.
Na manhã seguinte, o melhor amigo
de Sam, Hayden, estava morto.
Tudo o que ele deixou para Sam foi
uma playlist - e um bilhete


O QUE SAM NÃO SABE É:
PORQUE? 

Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelo corredores da escola - o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que acontecer e não consegue mudar o que sente.

Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.

A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.
quarta-feira, 30 de novembro de 2016
Título original: The Perfect Holiday
Título: O Presente Ideal
Autor: Sherryl Woods
Tradução: Gracinda Vasconcelos
Editora: Harlequin
Ano: 2015
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Tudo que amo numa história tem neste livro: neve (se acontecer uma nevasca melhor ainda), uma velhinha com boas intenções, o Natal se aproximando, uma mãe totalmente desiludidas com os homens, um homem amargurado e viciado em trabalho e uma criança carente de contato com outras pessoas e de amor.

Savannah é uma mulher divorciada que não acredita mais nos homens e no amor. Completamente falida e desiludida ela deixa a Florida para viver em Vermont, numa posada que recebera de herança da tia Mae, tia essa que ela havia perdido o contato a muito tempo. 

A tiracolo está a pequena Hannah, filha de Savannah, de 8 anos, uma garotinha vivaz e curiosa, apesar da pouca idade, sabe como ninguém dançar conforme a música, tolida por um pai autoritário e intransigente, aprendeu a se fechar em concha.

Trace um homem bonito e rico, mas que é amargurado e viciado em trabalho. Amigo muito querido de tia Mae, promete a velhinha em seu leito de morte, que passaria o Natal na pousada em nome dos velhos tempos. Pousada essa que Trace ainda não sabe, mas Mae deixou como herança para a sobrinha, velhinha esperta.

Imediatamente quando Trace chega, percebe que sua querida amiga Mae havia lhe preparando uma armadilha, lá está Savannah atolada no caos, pois a pousada precisa de reforma e ela tem poucos recursos. Mesmo sabendo que aquilo havia sido uma armadilha, ele resolve ficar e ajudar a bela mulher e sua filha encantadora.

Com Savannah e Hannah, Trace vai aprender a verdadeiro sentimento do Natal e conhecer o verdadeiro amor. E os três vão também aprenderam que o  importante é ter uma família e muitos amigos.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

O Presente Ideal 
Sherryl Woods

Qual era a graça de comemorar o Natal sem um marido bonitão do lado? Para a tia Mae, nenhuma! Por isso, ela resolve não perder tempo e dá um jeito de enviar o homem ideal para sua sobrinha Savannah Holiday. Mas será que Savannah se tornaria noiva do milionário Trace Franklin a tempo das festas de fim de ano?
sexta-feira, 25 de novembro de 2016
Título original: Colters' Promise
Título: A Promessa dos Colters
Autor: Maya Banks
Tradução: Equipe Prazer em Seduzir 
Série: Colters’ Legacy 04
Editora: Berkley Trade
Ano: 2012
Comprar: Somente ebook em português ( Ficou interessado em ler, escreva um comentário contendo seu email.)


Resenha:

É tão bom rever os personagens da família Colters, principalmente os homens. Infelizmente não existem homens como os Colters, só na imaginação Maya Banks. Homens que amam incondicionalmente e que valorizam as mulheres somente os lindos dos Colters.

Sério os filhos praticamente superam os pais, nunca imaginei que algum homem na face da terra iriam superar Adam, Ethan e Ryan. Mas como sempre, tenho que estar extremamente equivocada, Seth, Michael e Dillon de forma surpreende conseguiram superar os próprios pais, como é possível?  

Desta vez Lilly quer seguir enfrente e esquecer o passado, mas seus medos retornos e os irmão Colters terão que sapatear miudinho para convencer a traumatizada Lilly que desta vez ela não estará sozinha.

Será que os lindos vão conseguir?

ADORO!!!!

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

A Promessa dos Colters

Quando chegou a superar as chances de um passado trágico, Lilly estava determinada a seguir em frente. Os três irmãos Colter a ajudaram a fazer isso. Eles ensinaram novos caminhos para o amor, sonhos novos para compartilhar, e ofereceram-lhe uma nova vida que ela nunca imaginou ser possível. Agora é um momento de celebração, e que melhor maneira do que com uma reunião da família há muito esperado, um regresso ao lar que vai reunir toda a família Colter e algumas surpresas que ninguém antecipou.

Mas, primeiro, ainda há algo que Lilly tem que passar, ela ainda precisa reconciliar —até mesmo quando está segurando perto de seu coração um segredo recém-descoberto que vai mudar seu futuro, para sempre e enriquecer o legado Colter, e tornar todas as promessas, realidade.

Para todos os leitores que amaram e apoiaram a série Colter desde o início. Isto é para todos que queriam “mais”, queriam ver Lilly ainda mais em um relacionamento feliz, que ela merece.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016
Título original: Fearless 
Título: Coragem
Autor: Diana Palmer
Tradução: Gracinda Vasconcelos
Série: Homens do Texas 38
Editora: Harlequin
Ano: 2011
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

Antes de qualquer coisa, Rodrigo é culpado de todas as acusações, que a maioria das leitoras o condena, isso é indiscutível. Agora, acredito que há atenuantes que devem absolvê-lo. 

Primeiro: se ele foi preconceituoso, Glory também foi, pelo menos no início, ela acreditava que ele era um mísero administrador pé-de-chinelo.

Segundo: ele se acha o último presente dos Deuses a humanidade, Ok? Infelizmente ele deve ter razão, pela descrição ele é um gato, um pedaço de mau caminho, lindo de morrer. 

Terceiro: ele é um amante latino, isso significa que ele gosta de discutir, e depois fazer as pazes na cama, é básico.

Quarto: ele é sequestrado, e você sabe por que tipo de organização, então, imagino que Glory pode se sentir vingada, de todas as barbaridades que ele lhe disse. 

Na realidade, Rodrigo não é uma pessoa má. Apenas é arrogante, machista, possessivo e latino...rs. 

E outra coisa, acho que o que ele sentia por Sarina, nunca foi amor, era posse. Ele acreditava que ela e Bernadette eram sua propriedade. Porque se ele realmente amasse Sarina, ficaria contente pela felicidade dela com Colby. 

Como todo homem durão, Rodrigo não sabe lidar com os sentimentos, principalmente com amor, tenta de todas as maneiras fugir deste sentimento. 

Os homens são bichos estranhos, mas infelizmente adoráveis... brutalmente adoráveis, o que fazer sem eles? O melhor é tentar entender todo a confusão que eles fazem por covardia e medo. Você sabe, nós mulheres somos superiores...

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Coragem

Até mesmo nos campos abertos do Texas segredos encontram um lugar para se ocultarem, como no coração de Gloryanne, uma mulher tímida, mas determinada, ou sob a couraça de Rodrigo Ramirez, um homem enigmático que a atrai de um modo como nenhum outro havia conseguido. Para alguém atormentado como Rodrigo, a doce inocência de Gloryanne era uma tentação difícil de resistir. Porém, mesmo com o perigo o espreitando a cada momento, ele a pediu em casamento. Tornar-se seu marido seria somente o disfarce perfeito para concluir sua missão? Ou ainda haveria uma chance de realizarem seus desejos mais secretos?



Obs.: Se você quer saber mais sobre a autora Diana Palmer e seus livros entre no blog: 
http://su-romanticgirl.blogspot.com.br/  da "Suelen Mattos" a nossa especialista em Diana Palmer aqui no Brasil.
sábado, 12 de novembro de 2016
Título original: D. João Carioca
A Corte Portuguesa Chega ao Brasil (1808-1821)
Autor: Lilia Moritz Schwarcz & Spacca
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2007
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

Amo quadrinhos… ainda mais quando o assunto abordado é de um período tão rico de nossa história. A figura de D. João VI é sem duvida a mais caricata do Brasil e Portugal, o imperador sempre foi lembrado com um certo humor debochado, mas não podemos esquecer suas contribuições valiosíssima para o desenvolvimento da comunicação, na cultura e na economia do Brasil.

Muitas vezes fico triste em observar a falta de valorização da nossa história, o Brasil tem sem duvida umas das Histórias mais rica de toda a América, nenhum outro país do continente vivenciou a experiencia de ter um soberano europeu governando diretamente dos trópicos. E mesmo assim, percebe um certo ranço com a cultura portuguesa e com a corte que aqui esteve.

O D. João Carioca de Spacca e Lilia Moritz Schwarcz me pareceu ser o mais perto que poderemos chegar da verdadeira personalidade desse controverso personagem de nossa história e também de Portugal.

Só quero abrir um parenteses num pequeno relato de uma pesquisa que fiz por mera curiosidade: fiquei completamente chocada quando li uma pequena biografia dos casamentos na corte portuguesa de todos os tempos, neste caso os casamentos de reis e rainhas de Portugal. Não é atoa que boa parte dos membros da soberania portuguesa tivessem tantos problemas mentais como emocionais, na maioria das vezes casaram, durante os séculos, com parente de primeiro grau ou com membro da mesma família dos soberanos da Espanha. Assim ficava difícil, pois as doenças só se agravavam de geração para geração.

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Há quem diga que d. João gostou tanto do Brasil que foi ficando. Mesmo depois que os franceses foram expulsos de Portugal, o príncipe português preferiu continuar nos trópicos. Na nova capital do Império, sediada no Rio de Janeiro, o príncipe regente reproduziu a pesada estrutura portuguesa, criou instituições, fundou jornais e o Banco do Brasil. E encontrou um belo lugar para morar - a Quinta da Boa Vista -, onde ficava, sobretudo, apartado da esposa, Carlota Joaquina, que vivia em Botafogo. Esqueceu da guerra, sarou da gota e aproveitou o clima e as frutas tropicais. Acomodou-se de tal maneira que virou um "João carioca" - personagem popular de nossa história, brasileiro como ele só.

quarta-feira, 2 de novembro de 2016
Título original: Some Like To Shock
Título: Cortejo Com Rebeldia
Autor: Carole Mortimer
Tradução: Deborah Mesquita de Barros
Série: Duquesas Ousadas 03
Editora: Harlequin
Ano: 2013
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Ainda mais diferente da duas histórias anteriores, nesta narrativa, além das cenas hots e muita ousadias e inteligencia do casal da vez, também temos sádicos repulsivos, mistério e suspense.

Genevieve Forster, viúva do Duque de Woollerton, teve um casamento totalmente infeliz, seu esposo era um velhote violento e para piorar seu enteado era totalmente brutal. Depois de se tornar viúva e livre, a Duquesa esta anciona por desfrutar da sua liberdade com muita ousadia. Sendo assim, ela deseja tomar o belo Lorde Lucifer como seu amante, mesmo que para isso acontecer a graciosa Duquesa tenha que sofrer com os protestos e a brutalidade de seu enteado que é contra envolvimento da bela com qualquer homem. 

Já o belíssimo Lorde Benedict Lucas, mais conhecido por seus amigos e inimigos como Lucifer, apesar dos mesmos nunca ousarem chamá-lo assim em sua presença. É obvio que o Lorde vai se aproveitar de toda a ousadia e curiosidade da Duquesa, sendo assim, temos várias cenas hots produzidas e estreladas por esse casal mega safadinhos.

Para deixar a história ainda mais interessante, temos como pano de fundo o mistério envolvendo o assassinato dos pais de Benedict, que acaba rendendo vários momentos de suspense, com toda essas atividades extras a história que já era boa fica ainda melhor.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Cortejo com rebeldia


“Certamente uma lady tão… ousada como você não pode estar nervosa diante da ideia de viajar sozinha em minha carruagem, Genevieve…”

Genevieve Forster, viúva do duque de Woollerton, conhecia bem até demais aquela postura arrogante. Depois de um casamento infeliz, ela estava cautelosa, mas, no fundo, ansiava pela tentação... Com uma aura perigosa e evasiva, não era de se espantar que Lorde Benedict Lucas fosse conhecido por seus amigos íntimos, e por seus inimigos, simplesmente como Lucifer. Mas, surpreendentemente, ele não é temido na alta sociedade puritana. E o prazer em revelar o lado escandaloso de Genevieve será todo dele.



Sinopse:

Já em Cortejo Com Rebeldia, temos a bela viúva Genevieve Forster, Duquesa de Woollerton. Ela havia sido infeliz no casamento, mas seu coração pulsava por fortes emoções e desejos ardentes! E o Lorde Benedict Lucas - conhecido na sociedade como Lúcifer, seu apelido “carinhoso” - esta disposto a provar a faceta mais ousada de Genevieve, que poderia se revelar uma verdadeiro anjo caído!

Divirta-se com essa aventura ardente!

Boa leitura!
Equipe Editorial Harlequin Books
sábado, 29 de outubro de 2016
Título original: The Glory Game
Título: Amor Em Jogo
Autor: Janet Dailey
Tradução: Marija Mendes Bezerra
Editora: Círculo do Livro/Record
Ano: 1985
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

Tive todos os sentimentos possíveis que uma pessoa pode ter durante a leitura de um livro. Na realidade não deveria estar surpresa com este fato, pois já li livros o suficiente da autora Janet Dailey para saber que ela sempre consegue despertar todos os sentimentos bons e ruins no leitor. Mas não irei entrar no mérito desta questão, porque sou muito fã da autora, procurarei me ater ao texto, a história em si.

Quando penso que nada pode me surpreender aparece essa Luz, que personagem é esse? Sua vida é cheia de reviravoltas, vai da perfeição ao fundo do poço, depois para felicidade pela e logo em seguida volta para o fundo do poço de uma forma que achei que a coitada jamais sairia. É neste momento que a habilidade suprema da autora se apresenta para resgatar a moça do abismo, e a bela Luz volta como uma Fenix.

Vou ser sincera como não deveria ser, mas não poderia ser diferente, todos que me acompanha sabem da minha aversão aos latinos europeus, também não sou fã dos argentinos, apesar de ter namorado um meio-argentino. Bom, mesmo assim, Raul, por incrível que possa parecer, foi extraordinário, a forma que ele amou e apoiou Luz em todos os momentos foi emocionante. E o epílogo só reforçou minha eterna admiração por ele. Mas convenhamos, o rapaz é mais um cidadão do mundo que argentino.  

RECOMENDADÍSSIMO!!!! 



Contra Capa: 

“Amor em Jogo 
revela a história dramática de uma mulher para 
redescobrir o orgulho, a confiança e a 
coragem de amar de novo.”

Luz Kincaid Thomas tem tudo – riqueza, um lindo casal de filhos adolescentes, prestígio, beleza e amor – até que o marido resolve trocá-la por uma mulher mais jovem. Subitamente desamparada, Luz vê-se à mercê do medo, da solidão e da rebeldia dos filhos. 

Ao conhecer Raul Buchanan, um argentino irresistível, campeão de polo, Luz mergulha numa paixão nunca antes sentida – e passa a competir com a própria filha por esse homem mais jovem do que ela. 

De Palm Beach a Paris, da Inglaterra à Argentina.



Obs.: ...a versão que os argentinos tem dos “gaúchos” é muito interessante, vale o destaque. 

quarta-feira, 19 de outubro de 2016
Título original: To Touch A Sheikh
Título: Como Tocar Um Sheik
Autor: Olivia Gates
Tradução: Rafael Bonaldi
Série: Orgulho de Zohayd 03
Editora: Harlequin
Ano: 2012
Comprar: É possível compra nos sites: www.saraiva.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Belíssima história de amor, vale dar uma olhadinha mesmo que de leve. Olivia soube como ninguém preparar o leitor para está história, principalmente com os dois volumes anteriores, mostrando um Amjad descrente em relação ao amor e as mulheres, por isso é delicio observá-lo sucumbir perante aquilo que ele não acredita. Coitado não tem noção da capacidade desse sentimento absoluto. 

Como já era esperado o sheik e príncipe herdeiro Amjad não é como os irmãos mais novos. É um homem desiludido que sofreu a maior traição da pessoa que deveria amá-lo e respeitá-lo. Essa armadilha o transformou num homem amargo e frio.

A bela princesa Maram fará de um tudo para resgatar o homem sem coração. Mas tudo vai depender da boa vontade do sheik, mal sabe ela que o príncipe frio tem intenções nada românticas, pelo contrário.  

Amjad se aproveita de uma tempestade de areia para colocar seu plano em ação. Dias depois, com o fim da tempestade ele se vê apaixonado e com um problema ainda maior. Agora cabe a Maram por fim ao mistério que cerca o Orgulho de Zohayd e resgatar a alma do futuro rei. 

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

A redenção de um sheik.
Ninguém consegue burlar as defesas do sheik Amjad Aal Shalaan. Ninguém. Mas quando a princesa Maram pareceu no baile de gala de Amjad no lugar do pai dela, destruindo os planos dele de recuperar o que fora roubado de sua família, Amjad ficou furioso... e aproveitou-se de uma estranha tempestade de areia para torná-la sua amante e prisioneira. Salva por um homem que sempre amou a distância, Maram percebeu que tinha a chance de fazer Amjad vê-la como uma mulher. Sua mulher. Mas ambos não estavam preparados para o resultado de seus desejos…



Sinopse:

Assim que Amjad Aal Shalaan apareceu no primeiro livro da trilogia Orgulho de Zohayd, tive certeza: ele se tornaria, de longe, o meu herói favorito. Apesar de quase não ter sobrevivido a uma traição e ter jurado nunca mais pensar no melhor dos outros, o que mais me encanta neste personagem é o fato de ter se escondido tanto tempo por trás de um impenetrável cinismo, e depois passar a acreditar ser indiferente e invulnerável.

Por isso, eu nunca me diverti tanto escrevendo e escolhendo cada palavra e pensamento maldosamente irreverente de Amjad. E a diversão aumentou ainda mais quando eu lhe dei a única heroína que poderia desarmá-lo de todas as formas… e daí eu só os observei se engalfinharem e se apaixonarem perdidamente.

Com este livro, a trilogia Orgulho de Zohayd chega ao fim. Para mim, foi uma jornada emocionante que termina com chave de ouro. Espero que você goste deste livro e dos dois anteriores tanto quanto eu amei escrevê-los.

Adoraria ouvir sua opinião, então, entre em contato pelo e-mail oliviagates@gmail.com e visite o site www.oliviagates.com . Também adoraria que fosse minha amiga no Facebook ou me seguisse pelo Twitter.

Boa leitura!
Olivia Gates

quarta-feira, 12 de outubro de 2016
Título original: Colters’ Daughter
Título: A Filha Dos Colters
Autor: Maya Banks
Tradução: Rachael
Série: Colters’ Legacy 03
Editora: Samhain Publishing
Ano: 2011
Comprar: Em português somente ebook. ( Ficou interessado em ler, escreva um comentário contendo seu email.)


Resenha:

Esse livro não me convenceu. A história não é ruim, mas o Max peca quando deseja total e indefinida submissão, mas o problema é que o gostosão não diz a verdade.

Assim não é possível meu amor!!! 

Não existe!!!! Quando se quer o poder total e absoluto, no mínimo, há necessidade de ser verdadeiro. Falar tudo pra que a outra pessoa, que no caso é a Callie, que vai abrir mão do controle de sua vida, saiba pra quem ela está abrindo mão de seus direitos.

É muito fácil controlar uma pessoa, ainda mais quando essa pessoa está totalmente no escuro.

O grande problema é que os dois primeiros livros eram ménage, onde os homens eram totalmente devotados a uma única e exclusiva mulher. Tipo três homens para uma mulher. 

Agora me veem com o terceiro livro, mega esperado, de dominação. Me poupe!!!

Não tenho nada contra a dominação, pelo contrário, acho extremamente quente, mas para que a dita cuja seja realizada de forma a dar prazer para os envolvidos é de suma importância que as pessoas exponha seus sentimentos, sua aflições, seus desejos e principalmente diga especificamente o que quer e o que pode dar para outro, e isso infelizmente não aconteceu, não há dominação quando há mentira. Na realidade não há relacionamento que dure a uma mentira.

Sorry!!! 



Contra Capa:

Ele a deixou ir uma vez. Desta vez ele está jogando pra valer. Callie Colter perseguiu o pôr do sol em todo o mundo uma vez. Até Max. Juntos, eles eram uma perfeita tempestade de desejo e ela se deleitava na beleza do fogo. Então, ele desapareceu sem nenhuma palavra, e a traição a levou de volta para casa, para lamber suas feridas. Quem diria que ele teria a ousadia de mostrar a cara no bar do seu irmão. Max Wilder imaginava que merecia o gancho de direita de Callie em sua mandíbula, mas isso não mudava nada. Ele teve suas razões para segui-la por toda a Europa e fazê-la se apaixonar por ele. Mas quando ela tomou tudo que lhe deu e ofereceu mais, ela mudou todas as regras e ele não teve escolha a não ser deixá-la. Mas agora está de volta e desta vez pelas razões certas. Callie está zangada, magoada e ainda impotente contra a investida implacável de Max. Ele não vai se contentar com nada menos que sua completa rendição — e seu amor. Só quando ela voltar para seus braços, ele será verdadeiramente feliz e a maldita verdade pode ficar guardada e a salvo. Exceto que a verdade tem um modo de rastejar para a superfície, e agora Max pode não ter uma segunda chance.
quarta-feira, 5 de outubro de 2016
Título original: Iron  Cowboy
Título: Coração de Aço
Autor: Diana Palmer
Tradução: Maurício Araripe
Série: Homens do Texas 37
Editora: Harlequin
Ano: 2008
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

A nossa adorável Sara, livreira, de Jacobsville, Texas. Não se deixou intimidar pelo poderoso e frio rancheiro Jared. 

Tudo bem, ela se esqueceu de mencionar alguns detalhes, mas quem não tenta parecer melhor do que é na realidade? Toda pessoa apaixonada faz isso. Também porque ele tem que ter aquele ar de sabichão. 

Não é bem assim, da forma que estou colocando parece que tudo é muito simples, mas na realidade Jared tem mais problemas que deveria ter e Sara aparece na sua vida num momento difícil, e tudo fica cada vez mas complicado, mas nem tudo está perdido, ainda mais quando temos Cash Grier para resolver alguns problemas... 

Sério, Cash é tudo que um bom romance precisa, já li vários livros da série homens do Texas, onde ele só é mencionada e mesmo assim faz há maior difereança, tem cabimento uma coisa destas? Adoro esse homem da lei...

Leia, é ótimo!

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Coração de Aço

O rancheiro Jared Cameron era um mistério para todos em Jacobsville. E ele gostava das coisas como estavam. Apenas Sara, uma adorável livreira, se atreveu a invadir sua privacidade... e informá-lo de que um livro sobre ogros seria bastante apropriado para um homem com sua personalidade.Encantado com tamanha audácia, Jared decide seduzi-la... mas o relacionamento que floresce entre os dois logo leva Sara a um mundo secreto de intrigas... agora, o caubói de aço precisa se preparar para a luta de sua vida... e a guerra por seu coração. 



Obs.: Se você quer saber mais sobre a autora Diana Palmer e seus livros entre no blog: 
http://su-romanticgirl.blogspot.com.br/  da "Suelen Mattos" a nossa especialista em Diana Palmer aqui no Brasil.
quarta-feira, 28 de setembro de 2016
Título original: Le Tour Du Monde En Quatre-Vingts Jours 
Título: A Volta Ao Mundo Em 80 Dias
Autor: Júlio Verne
Tradução: Maria José Rodrigues
Editora: Martin Claret
Ano: 2012
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha 


Resenha:

Mais um clássico da literatura universal que deve ser lido e relido por todas as gerações, pois Júlio Verne tem um talento nato em instigar nossa imaginação É impossível não se envolver com a jornada espetacular do inglês Phileas Fogg e do seu fiel “escudeiro” o francês Jean Passepartout.

É mais do que obvio que fiquei, em alguns momentos, intrigada ou até mesmo chocada com a fleuma irritante de Fogg, mas o que deveria esperar de um típico e metódico inglês? Phileas é tão diferente de seu criado o alegre e confiante Passepartout. Esta dupla tão diferente e em alguns momentos irreverente conseguiu apresentar um contraste significativo para o desenrolar da trama e permitiu uma certa leveza ao texto.

Não vou me atrever a descrever as aventuras, pois seria um crime estragar o prazer da leitura. Mas deixo claro que cada uma delas foi extremamente emocionante pra dizer o mínimo.

Para finalizar devo mencionar a tradução eloquente da editora Martin Claret, antes de ler propriamente dito, tinha em mente um texto rebuscado que havia lido num livro anterior do próprio Júlio Verne, minha felicidade foi gigantesca quando encontrei um texto com uma linguagem atual e leve, só posso dar os parabéns para editora.  

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

A volta ao mundo
em 80 dias
Júlio Verne

Tradução e notas
Maria José Rodrigues

Uma aposta foi bastante para Phileas Fogg e seu fiel escudeiro, Jean Passepartout, embarcarem em uma das maiores aventuras da literatura mundial, nos moldes da narrativa fantástica de Júlio Verne. O escritor francês, um dos precursores da moderna ficção-científica, narra a história de um inglês metódico, que decide dar a volta ao mundo em oitenta dias, no ano de 1872, pelo suposto motivo de uma aposta selada com alta quantidade de dinheiro. Ao colocar o pé no mundo, Fogg encara diversas aventuras típicas de imaginação sinistra de Verne. Oceanos, navios a vapor, estradas de trens, selvas e até viagem sobre elefantes compões essa jornada. Publicada em 1873, esta obra tem destaque revelante na bibliografia deste autor que, em meio aos seus romances de aventura, pressagiou diversos avanços científicos e tecnológicos da humanidade. “A volta ao mundo em 80 dias” leva-nos a lugares onde nunca pensamos em estar e até nos faz acreditar numa fantasia possível de concretizar.



Sinopse:

Aventuras, fantasia, ficção científica e viagens extraordinárias - todos esses elementos são comuns nas obras de Júlio Verne, mas A volta ao mundo em 80 dias (1973) vai além. Nesta obra, Verne, ante de tudo, dimensiona até que ponto a tecnologia da época consegue desbravar o espaço e o tempo no qual as pessoas estão submetidas no mundo. Em sua narrativa ficcional de viagem ficam explícitas as armas de que dispõe a humanidade para superar essas limitações. Verne mostra vigor na construção de um enredo denso, superando cada etapa do intricante caminho de sua narrativa fantástica. Phileas Fogg, o personagem principal da saga, é uma obra prima do autor - é daqueles personagens profundos e elaborados, que não conseguimos decifrar nas primeiras páginas; ou melhor, passamos toda a narrativa entre a emoção de sua jornada em volta do mundo e a tentativa de desvendar o que representa sua personalidade. Júlio Verne fantasia para prever o futuro e nos aponta adiante, nos faz enxergar além do alcance. 
quinta-feira, 22 de setembro de 2016
Título original: Some Like It Scandalous
Título: Cortejo Com Escândalo
Autor: Carole Mortimer
Tradução: Deborah Mesquita de Barros
Série: Duquesas Ousada 02
Editora: Harlequin
Ano: 2013
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

História curtinha, infelizmente, pois é ótima. Diferente da primeira que ela leve, este conto é ousada com muitas cenas hots. O enfoque também é outro: o amor, a compaixão, a devoção e o sacrifício são os temas abordados, intercalando momentos bem safadinhos.

Sophia Rowlands, viúva do Duque Clyborne, fica  chocada quando um antigo amigo do sobrinho de seu falecido marido, se mostra muito interessado em se tornar seu amante. Apesar de bem nascida, a Duquesa, tem uma mancha no seu passado e por isso não quer se envolver com o Conde, pois tem medo de prejudicá-lo e assim arruinando sua reputação. 

Dante Carfax, Conde Sherbourne, um homem selvagem, belo, provocante e quatro anos mais novo que a Duquesa. O Conde sempre foi apaixonado por Sophia, mas como ela era casada com o tio de seu melhor amigo, acabou sufocando seu amor por ela durante 10 longos anos.

Depois dessa longa espera e do luto de uma ano da dama em questão, Dante não quer esperar mais um segundo. Ele parte para o ataque, sem misericórdia, tendo a esperança de conquistá-la. Nem que para isso tenha que se utilizar de todos os truques sujos para convencê-la a subir no altar ao seu lado, pois desta vez ele vai ficar com a Duquesa.

Dante é demais para minha pressão sanguinea, o rapaz não tem pudor algum, muito menos vergonha, utiliza-se sem dó de seus “dotes” carnais para convencer a pobre Sophia a casar com ele. Menino safadinho!!!

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Cortejo Com Escândalo


... Parece-me que você está sugerindo que, agora que nosso ano de luto por nossos maridos chegou ao fim, deveríamos arranjar pelo menos um amante, senão diversos, antes que esta tediosa Estação de Baile acabe.

Sophia Rowlands, viúva do Duque de Clyborne, já está chocada com a proposta ousada da amiga, e fica ainda mais estupefata quando Dante Carfax, Conde Sherbourne, se oferece para fazer as honras! Ele podia ser de uma beleza selvagem e inegavelmente provocante, mas também era quatro anos mais jovem que ela, sem contar que tinham se distanciado desde que ele lhe roubara um beijo dez anos antes... Quando jovem, bastou Dante olhá-la uma única vez para desejá-la como jamais havia desejado uma mulher antes – ou desde então. Depois de anos de uma longa espera, ele está determinado a conquistá-la de uma vez por todas. Mas Dante conseguirá convencer a arriscar sua reputação?



Sinopse:

Querida leitora,

Nesta edição de Harlequin Históricos, apresentamos, em Cortejo com escândalo, Sophia Rowlands, viúva do Duque de Clyborne. Ela fica totalmente sem ação ao ser cortejada por Dante Carfax, Conde Sherbourne! Ele sempre foi apaixonado por ela e agora está disto a conquistá-la. Porém, será que Sophia conseguirá enfrentar a sociedade?
quinta-feira, 15 de setembro de 2016
Título original: Cacau
Autor: Jorge Amado
Editora: Record
Ano: 1987
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

Lançado na década de 30, Cacau é o segundo romance do escritor baiano Jorge Amado. O texto tem muitas referencias ao engajamento ideológico do autor juventude, marcando um período em que sua literatura será comunista visando as relações sociais, principalmente a exploração do trabalhador. 

Em Cacau a exploração do trabalhador rural é total, pois o trabalhador vive numa semiescravidão nas fazendas  do sul da Bahia. As condições de trabalho são desumanas, eles corriam os ricos de contrair doenças e outros problemas comuns a uma roça de cacau, como ser picado por animais peçonhentos.

Além da autoridade e violência dos patrões, o contraste entre a vida de luxo dos patrões e a miséria dos trabalhadores é descrita de forma muito convincente pelo autor. Na realidade Jorge Amado deixa muito claras suas intenções com este romance quando diz “Tentei contar neste livro, com um mínimo de literatura para um máximo de honestidade, a vida dos trabalhadores das fazendas de cacau do sul da Bahia. Será um romance proletário?

Para quem não está acostumado com a linguagem do autor pode ser um choque ou uma paixão instantânea. No meu caso foi amor desde o primeiro parágrafo.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!
   


Contra Capa:

Segundo livro de Jorge Amado, Cacau é narrado em primeira pessoa por um lavrador, filho de industrial decaído, que trabalhara brevemente como operário fabril. O pequeno romance é a saga de uma tomada de consciência social e política. Atesta o clima de polarização ideológica da época em que foi escrito e o entusiasmo revolucionário de seu jovem autor.

Cacau inaugura também um dos veios mais ricos da literatura de Jorge Amado, o dos livros dedicados à rica e sangrenta história da região cacaueira da Bahia, imortalizada em obras como Terras do sem-fim; São Jorge dos Ilhéus; Gabriela, cravo e canela e Tocaia Grande.

Neste apaixonado livro de juventude, com um vigor e uma urgência que o tornam encantador, encontramos alguns dos méritos mais louvados do autor, como o apurado ouvido para a fala popular; o trânsito pelos vários registros do discurso, do mais formal ao mais coloquial; o caloroso afeto por suas criaturas.

Livro de denúncia e esperança, anuncia o grande romancista que conquistaria os leitores do Brasil e do mundo nas décadas seguintes.
quarta-feira, 7 de setembro de 2016
Título original: Sold To The Sheikh
Título: A Indomada e o Sheik
Autor: Miranda Lee
Tradução: Carla Gouveia
Série: Jogadores de Pôquer 03
Editora: Harlequin
Ano: 2005
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

É complicado, o casal da vez foi muito magoado e tem muitos conflitos com o passado.

Charmaine coitada, comeu o pão que o diabo amassou. Além disso, sofreu a maior dor que uma mulher nunca deveria sofrer em sua existência.

Ali por sua vez, foi rejeitado pela única mulher que amou. Além disso, foi expulso e exilado na Austrália. Coitado, só tem os empregados e os cavalos como companhia.

Mas não pense só porque eles tiveram um passado conturbado que eles sejam uns coitadinhos ou bobos. São pessoa fortes, determinados, belos, arrogantes e extremamente sensuais. 

Com certeza um dos mais belos casais que já encontrei na literatura romântica.

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

A Indomada e o Sheik

Charmaine é uma top model australiana que não suporta 
ser tratada como uma mulher-objeto. Muito menos por homens ricos 
e poderosos que pensam poder comprar tudo - principalmente amantes. 
O príncipe árabe Ali de Dubar está mais do que decidido 
a ter Charmaine como sua convidada para um jantar a dois, mesmo que isso 
signifique ter de adquirir esse privilégio por meio de um leilão 
de caridade. Após muitas ofertas e recusas, Charmaine e Ali dão início 
a uma disputa entre o prazer e o orgulho que começa em uma mesa à luz de 
velas e termina em cômodos mais confortáveis - e por muito mais tempo do que 
o planejado! Mas será que Charmaine irá ceder a todas as exigências de Ali?

Quem sou eu

Minha foto

Sou Jornalista, artesã, corredora(pelo menos tô começando), leitora fanática..., mas tem a cara de pau de achar que ainda pode dar conta de um blog, acredita?

Facebook

Visualizações

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Pesquise no blog

Meus livros no Skoob

Instagram

Popular Posts

Goodreads

Adriana's books

This Calder Sky
5 of 5 stars
Os Donos da Terra Janet Dailey Isabel Paquet de Araripe A Saga da Família Calder 01 Record 1983 Já devo ter mencionado, em outra resenha de algum livro da Janet Dailey, mas é necessário reforçar. Os personagens que está autora cria são ...
The Unexpected Millionaire
5 of 5 stars
Inesperado Susan Mallery The Million Dollar Catch 02 Harlequin 2014 Meu Deus!!! Como não se apaixonar por Willow? Impossível, é uma personagem cativante, hilária, espertinha, carinhosa e solidária. Não é atoa que Kane se apaixona d...
Das Kartengeheimnis
5 of 5 stars
O Dia do Curinga Jostein Gaarder Cia. Das Letras Ano: 1999 Já vou avisando, qualquer exagero, disparate, heresia ou algo que valha; escrito por mim nesta resenha, não pode ser classificado com absurdo, ok? Porquê? Muito simples. Sou ...
1808
5 of 5 stars
1808 Laurentino Gomes Planeta 2009 Apesar de estar ligado à história, Laurentino Gomes não é historiador ou biografo. Ele é jornalista. Por isso, talvez, posso dizer que este livro tem uma linguagem e uma compreensão dinâmica. Com mu...
Dance to the Piper
5 of 5 stars
Maddy Nora Roberts Os OHurley 02 Harlequin 2014 Não há dúvidas que Maddy é a mais maluquinha das trigêmeas. Identifiquei-me com muito com ela. É uma pessoa positiva, sem medo de arriscar e encarar o desconhecido. Quando se apaixona...

goodreads.com

Translate

Follow by Email