sábado, 30 de julho de 2016
Título original: Santô e os pais da aviação: a jornada de Santos-Dumont e de outros homens que queriam voar
Autor: Spacca
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2005
Comprar: Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha: 

Tenho uma grande admiração pelos trabalhos do quadrinista e ilustrado Spacca (João Spacca de Oliveira). E neste primeiro trabalho publicado já é possível perceber seu grande talento. 

“Santô e os Pais da Avião” é um projeto de uma vida, pois o autor começou a  desenvolver está história a partir dos 15 anos de idade, a principio era para ser um desenho animado, muito tempo depois, com muita pesquisa se tornou um livro em quadrinho.  

Com muito humor nos é contada a história do brasileiro Santos-Dumont, um homem privilegiado pela riqueza, uma personalidade destemida, com muita coragem, refinamento, cultura e excentricidade. E também dos outros pioneiros da aviação e suas histórias interessantíssimas.

Santô (como era conhecido em Paris) teve uma infância livre, feliz e estimulado pelo pai, um engenheiro aposentado e milionário, que acreditava que o futuro estava na mecanização. Com 18 anos foi estudar em Paris, e lá desenvolveu todo sua paixão por voar. 

Foi campeão da aeronáutica duas vezes, com um balão dirigível e também fez o primeiro voo oficial do mundo. Assim sendo tornou-se uma celebridade internacional de seu tempo.

Além da influencia do pai, Santos-Dumont também foi influenciado pela literatura de Júlio Verne, Camille Flammarion e Wilfrid de Fonvielle.

Para definir Santô, fico com as palavras de Spacca: “... um personagem brilhante, solitário e trágico, que seguiu quase ao pé da letra o destino de Ícaro: ganhou as asas do pai, e vou perto demais do sol.”  

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Filho de um rico fazendeiro de café, Alberto Santos-Dumont foi desde pequeno fascinado por máquinas, principalmente as que saíam do chão. Como ele, dezenas de outros inventores - brasileiros, franceses, alemães, americanos, suecos, australianos… - buscaram, cada um à sua maneira, realizar o sonho de voar. Conheça em quadrinhos a história dessa corrida para o céu.
quinta-feira, 28 de julho de 2016
Título original: To Tame A Sheikh
Título: Como Domar um Sheik
Autor: Olivia Gates
Tradução: Rafael Bonaldi
Série: Orgulho de Zohayd 01
Editora: Harlequin
Ano: 2012
Comprar: É possível compra nos sites: www.saraiva.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Domar o que Harlequin? O rapaz estava entregue desde o primeiro minuto. Não ofereceu resistência. Sério, nunca li um história onde o mocinho é tão apaixonado e devoto, ainda mais um sheik que normalmente e cheio de si e machista. Até agora não acredito, deve ter alguma coisa errada.

Shaheen simplesmente cai de quatro quando encontra Johara. E ela já apaixonadíssima por ele desde sempre, nem percebe que ele está caidinho por ela. Estou falando, tem algo estranho no paraíso.   

Vamos lá, o sheik a quer de todas as maneiras, mas ela sabe que ele não pode ser dela, pois Shaheen deve casar uma mulher escolhida pelo pai e por um conselho. Então, depois de uma noite de amor fabulosa, Johara o abandona, mas o destino vai dar uma ajudinha e o casal vai se encontrar outra vez. E desta vez Shaheen não vai deixá-la escapar.

Chocada!!!!

O sheik é o homem mais apaixonado da face da terra, em momento algum ele desconfia ou julga Johara, acredite, há situações que qualquer um a julgaria ou no minimo desconfiaria de suas atitudes, mas Shaheen tem tanta certeza do amor dela por ele que não dá a minima atenção as tais situações.

Quando ele diz que vai adorá-la e venerá-la não é mentira, pois ele faz exatamente isso...    

Belíssima história de amor!

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Ele a teria para si! 
Bastou ao sheik Shaheen Aal Shalaan a avistar em uma sala lotada para, no mesmo instante, perceber que desejava aquela mulher. Sem muito esforço, logo a levou para sua cama, onde ela despertou nele paixões há muito tempo adormecidas. Após o enlace, o sheik descobriu a verdadeira identidade de sua amante: era Johara, sua amiga de infância, que agora florescia na visão de Shaheen de tal modo que se tornara impossível para ele viver sem ela. Porém, sua linhagem exigia uma esposa já escolhida para o trono, e desposar outra poderia trazer resultados catastróficos. No entanto, como ele seria capaz de dar as costas à mulher que estava grávida de seu filho?



Sinopse:

Querida leitora, 


Quantas vez assistimos plebeias casando-se com homens da realeza em filmes e até mesmo na vida real? Esta história não poderia ser diferente, mas com uma pitada a mais de paixão e prazer.Veja se o sheik Shaheen Aal Shalaan consegue driblar a tradição e casar-se com a simples Johara.


Boa leitura!
Equipe Editorial Harlequin Books
terça-feira, 26 de julho de 2016
Título original: Caught In The Act 
Título: Muito Perto 
Autor: Lori Foster 
Tradução: Maria de Fátima Almeida 
Série: Homens do Resgate 03
Editora: Harlequin Internacional 
Ano: 2004
Comprar: Somente ebook. ( Ficou interessado em ler, escreva um comentário contendo seu email.)



Resenha:

Adorei a história e os personagens são maravilhoso e foi ótimo rever velhos conhecidos e dar as boas vindas aos novos. Amei o fato da mocinha ser escritora e ainda se chamar Dalilah (nome diferente e muito sonoro) já o Mick é um fofo, mega apaixonado, no início platonicamente.

Quando eles realmente se conhecem fiquei surpresa com todas as rações da Dalilah, apesar de ser a típica escritora que quando está inspirada só pensa no que vai escrever ou no que está escrevendo. Ela é uma pessoa destemida e habilidosa, que não tem medo de nada e de ninguém, se joga de cabeça em tudo.

Só faço uma ressalva acho que ele deveria ter sido mais dura com Mick ou demorado mais tempo para perdoá-lo, fazê-lo sofrer mais um pouco. Apesar de entender toda a situação e os dois lados, ainda assim insisto acho que o perdão foi muito rápido.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!

              

Contra Capa:

Muito Perto 

Estava com ela por amor ou obrigação?

O Agente Mick Dawnson não sabia se acreditava naquela mulher, que havia ter saído no lugar errado e na pior altura possível. Então não entendia porque todo mundo sabia. Em quem deveria acreditar? Só havia uma maneira de descobrir a verdade: investigar pessoalmente.

Dalilah Piper
Como ele era tão confuso, mas o que era mais confuso era o sorriso doce desse homem ... embora muitas vezes não sorria. No entanto, ele a tinha acompanhado dia e noite. Ele era o seu protetor ou o seu capturador?
sexta-feira, 22 de julho de 2016
Título original: Heartbreaker
Título: Avassalador
Autor: Diana Palmer
Tradução: Elaine Moreira
Série: Homens do Texas 34
Editora: Harlequin
Ano: 2013
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.


Resenha:

Lá vamos nós outra vez. No mundo nada encantado de Diana Palmer. Sério, com certeza a autora tem o maior número de mocinhos ogros, da história da literatura romântica.

Pelo amor de Deus!!!

Não sei se J.B é o pior, mas ele está no meu top 5. Como a Diana consegue encontrar personagens com tantos problemas emocionais. 

A grande maioria dos seus mocinhos, se é que podemos dizer que são mocinhos, são uns ogros de marca maior, praticamente todos têm problema relacionado ao seu primeiro amor. Normalmente essas mulheres morreram, enquanto namoravam ou eram casas com os dito cujos. Assim, deixam os mocinhos em questão irracionais, mau-humorados, amargurados e ogros.

J.B, pra mim é um louco. Tenho a sensação que ele tem raiva da Tellie, principalmente, por ela despertar todos os sentimentos que estão trancado dentro dele. Ele a culpa por tudo, como se ela tivesse algum poder sobrenatural.. É insano, mas é isso mesmo.

Sempre tento entender, porque gosto tanto destes livros e ainda mais, porque gosto tanto desta série?

Não consigo...é inexplicável.

Mas, ...

ADORO!!!

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

J.B. Hammock jogava de acordo com as próprias regras, e a primeira delas era nunca se envolver com as mulheres. Tratava bem suas namoradas e deixava claro que não aceitava amarras. Mas a doce Tellie Maddox pairava ao seu redor como uma delicada borboleta, sempre tentando cuidar dele. E ele não podia ser tão insensível a ponto de ignorá-la, então resolveu bancar o amigo... até que a amizade se transformou em algo muito mais profundo do que J.B. pretendia. Ele fora fisgado.



Obs.: Se você quer saber mais sobre a autora Diana Palmer e seus livros entre no blog: 
http://su-romanticgirl.blogspot.com.br/  da "Suelen Mattos" a nossa especialista em Diana Palmer aqui no Brasil.
segunda-feira, 18 de julho de 2016
Título original: As Meninas
Autor: Lygia Fagundes Telles
Editora: Círculo do Livro
Ano: 1989
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenha:

Belíssimo texto desta maravilhosa autora, de uma forma poética e em alguns momentos de forma ingênua, Lygia faz severas críticas ao poder vigente no país na década de 70, ou seja, a ditadura militar.

A história se passa num pensionato de freiras em São Paulo, onde três jovens universitárias, muito diferente entre si, mas amigas e confidentes, vivem o período mais conturbando de suas existências. A narrativa mistura o ponto de vista das meninas com a narração em terceira pessoa.

Vamos, as meninas:

Ana Clara é linda, mas teve uma infância traumática, vive na corda bamba, usa drogas e se divide entre o noivo rico e o amante traficante.

Lorena é virgem, idealiza muito, tem veia artística principalmente voltada para literatura. Faz parte de uma família tradicional, mas é rebelde e namora um homem casado.

Lia, personagem mais difícil na minha opinião, vive num conflito diário em relação a tudo: suas origens, seus pais, seu namorado e principalmente com o regime ditatorial. Ela é militante de um grupo de esquerda armado, sofre pelo namorado preso.

O texto é lindo, as meninas estão em buscas de si mesmo, apesar do momento perturbador e ao mesmo tempo encantador e emocionante. A narrativa em alguns momentos nos machuca por ser tão direta e clara, é um período onde ninguém tem controle sobre nada, tudo é imprevisto, então elas de alguma forma tentam se proteger de um futuro incerto.

BELÍSSIMO!!!!

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Eram os agitados anos setenta.... Elas adoravam os Beatles, Jimi Hendrix e Chico Buarque. Participavam do Movimento Estudantil, enfrentavam a repressão, sonhavam em mudar o país. Mas, sobretudo, queriam amar e ser felizes!



Sinopse:

Não foram muitos os escritores que, no auge da ditadura militar no Brasil, abordaram em seus textos temas como a repressão e a tortura e escreveram obras de contestação como As meninas, de Lygia Fagundes Telles. Livro árduo, dolorido e lindo, As meninas relata os conflitos no relacionamento de três jovens que têm entre si um ponto em comum, a solidão, e como pano de fundo os governos militares. 

Três universitárias compartilham com algumas freiras um pensionato em São Paulo. Ana Clara gosta de um traficante e vive drogada. Lia briga contra o regime. Lorena, filhinha de papai, ajuda as outras duas com dinheiro. Lia se envolve com Miguel, que é preso e trocado por um diplomata. Sem ligar para a política ou as drogas, Lorena se apaixona por um médico casado e pai de cinco filhos. 

Um enorme espaço separa o universo das pensionistas e seus dramas das religiosas, que se apavoram com a liberdade das três moças. Cada uma das personagens é um poço de conflitos e monólogos interiores que vêm à tona através das confidências íntimas de cada uma e que se ligam à miséria política e cultural da época. 

O texto de Lygia Fagundes Telles não cai na vulgaridade, não se banaliza apesar do tema. A linguagem é coloquial e expressiva e os diálogos abandonam as conveniências formais. As meninas de Lygia são, afinal, as jovens do nosso tempo, saídas da adolescência e ingressando na plenitude da mocidade. Nada mais atual. Apontada pela crítica como um sucesso absoluto, As meninas é uma obra que resultou do esforço de três anos de trabalho dessa autora perseverante, que valoriza a palavra e mostra, através de seus textos, a luta de todos nós em defesa da liberdade.

quinta-feira, 14 de julho de 2016
Título original: Some Like It Wicked
Título: Cortejo Com Malícia
Autor: Carole Mortimer
Tradução: Celina Romeu
Série: Duquesas Ousadas 01
Editora: Harlequin
Ano: 2013
Comprar: É possível compra nos sites: www.harlequinbooks.com.br e www.amazon.com.br ou em uma boa banca de jornais.



Resenha:

História leve e romântica, apesar de discutir assuntos polêmicos como adultério, homossexualismo, traição e principalmente a hipocrisia da sociedade londrina do século XIX. Não há duvida que é uma narrativa cativante, cheia de ternura e de sentimentos profundos.

Lorde Rupert Stirling, oitavo duque de Stratton, mas é conhecido pela sociedade como Devil. Um homem convencido, autoritário, lindo, másculo, divertido e extremamente decidido. Tanto que na noite que conhece Pandora Maybury, a duquesa viúva de Wyndwood, Devil decide que vai se casar com moça, mesmo sem conhecê-la formalmente e ter trocado apenas poucas palavras com a duquesa, ele está decidido.

Além do mais Devil não se importa com os mexericos que a sociedade londrina anda falando sobre a reputação de Pandora, também não se importa com a opinião da duquesa que não quer se envolver com ele. Mesmo com a recusa da moça o duque é implacável, sua arrogância não aceita um não como resposta.

Para constrangimento de Pandora o duque a persegue por toda Londres, a encurralando até que a belíssima se renda e aceite sua proposta. É obvio que com toda essa perseguição Devil se permite conhecer a linda duquesa e descobre que além da delicadeza, a moça ainda é inocente e muito feminina. 

Pandora tem uma forma peculiar de agir na visão de Devil, ela está sempre se colocando em segundo plano em benefícios dos outros. Assim sendo o duque não resite e se apaixona pela jovem duquesa e tenta seduzi-la de todas as formas. Os diálogos entre os personagens é divertidíssimo, mostrando assim a inteligencia e a química que entre os dois.

RECOMENDADÍSSIMO!!!!



Contra Capa:

Demônio no nome e demônio por natureza.

Rupert Stirling, o Duque de Devlin, mais conhecido como Devil, havia criado fama como um grande frequentador de alcovas femininas.

Pandora Maybury, por sua vez, está muito longe de ser uma aventureira. Desde que seu marido morrera em circunstâncias suspeitas, ela evitava se expor em demasia nas altas rodas de Londres. Mesmo assim, sua vida era o tema preferido entre as damas mais finas.

Se pelo menos a sociedade soubesse o quanto ela era inocente... Incluindo Rupert que, após salvá-la de um ataque, passou a demonstrar um interesse fora do comum por Pandora!



Sinopse:

Querida leitora,

Há certos momentos na vida em que temos de enfrentar uma situação inesperada, porém muito prazerosa. Como, por exemplo, quando um homem começa a nos cortejar! Essa é a sensação que Pandora teve ao ser seduzida por Ruppert. Ela não estava preparada para ser tão requisitada. Até que não pode mais fingir que nada estava acontecendo…

Boa leitura!
Equipe Editorial Harlequin Books
segunda-feira, 11 de julho de 2016
Título original: Além da Atração
Autor: Elizabeth Bezerra
Série: New York 05
Editora: Bezz
Ano: 2015
Comprar: No site www.amazon.com.br 


Resenha:

Fantástico, até então tinha uma visão totalmente equivocada do relacionamento da Penélope e do Adam, mas tudo se dá porque o casal foi extremamente discreto, principalmente no trabalho, na empresa do Neil, apesar do Adam não ser funcionário da empresa, ele é amigo e advogado do Neil. 

E já que Neil proibi relacionamento entre funcionários Penélope achou melhor serem discreto, mas com isso acredito que tudo ficou ainda mais complicado, porque abriu espaço para mal-entendidos e tudo que pode envolver um relacionamento que tudo é escondido dos demais.

Outra coisa complicada foi observar a passagem do tempo, como Penélope não é amiga de Jennifer e nem de Paige fiquei muito perdida, ainda mais porque nos outro volumes as meninas ditam o andamento e a passagem do tempo. 

E para piorar minha confusão Adam e Penélope se conhecem antes de Jennifer e Paige entrarem na história, isso significa que boa parte deste romance é anterior ao primeiro livro da série. Só consegui me situar porque havia lido aos dois livros extras que dão muitos spoiler, senão estaria perdida no tempo e espaço, já que está história ficou totalmente centrada apenas no casal.

Para fechar, apesar da minha confusão, o livro é ótimo! Adorei conhecer o outro lado do Adam e descobrir sua verdadeira história. E perceber que Penélope é muito mais do que demonstra ser.

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Penélope Walker veio à Nova York para fugir de sua pequena cidade natal, onde todos se conheciam e cuidavam da vida de todo mundo. Criado por um pai opressor e uma mãe exigente ela todos seus sonhos se tonarem realidade ao começar a trabalhar na Durant Tecnologia. Em uma nova cidade e um excelente emprego tudo parecia perfeito. O que ela não contava era se apaixonar pelo advogado e melhor amigo de seu chefe.

Adam é tudo o que qualquer mulher sonharia, mas infelizmente para ela é inalcançável. Por dois anos Penélope manteve esse amor escondido a sete chaves. Até o dia que seu chefe envia-os para uma viagem juntos. A atração física entre eles é pulsante e após uma ardente noite juntos Adam se afasta dela completamente.

Adam sofreu muito ao perder a namorada e o bebê que ela esperava em um acidente de carro. E não está disposto a entregar seu coração à outra mulher novamente. Penélope não aceitará menos que isso.

O que fazer quando Adam descobrir que a única noite de amor entre eles não deixou apenas lembranças, mas algo que os unirá para sempre?
quarta-feira, 6 de julho de 2016
Título original: A Rich Man's Revenge
Título: A Vingança
Autor: Miranda Lee
Tradução: Carla Gouveia
Série: Jogadores de Pôquer 01
Editora: Harlequin
Ano: 2005
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

É surpreendente como revelações do passado, pode destruir um relacionamento perfeito. Mesmo quando um casal se ama perdidamente, a desconfiança pode ser devastadora.

O pré-julgamento é a pior coisa. Mas sem duvida o pior de tudo é a vingança e a crueldade. Só posso dizer que a atitude e a vingança de Charles, foi descabida. Mesmo para um homem magoado. Se aproveitar do outro, quando este não tem todas as informações é cruel.

Amei a atitude de Dominique, mostrou para o babaca do Rico quem ela realmente era, convenhamos Rico é um frustrado que acha toda mulher bonita é uma interesseira, se ele não teve bons relacionamentos pelo menos deixe os outros terem suas próprias experiencias, babaca. 

Ainda bem que Dominique fez Charles cair em si e sofrer muito, mas ele mereceu. Adoro quando a mocinha tem o bom senso de fazer o mocinho sofrer por ser babaca, homens normalmente não tem o bom senso de pensar quando estão furiosos, eles reagem e não pensam o que é totalmente errado, porque na pior das situações se conseguisse pensar perceberia o que realmente é importante na vida.  

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Dominique é a esposa que todo homem sonha ter: bonita, sexy e somente interessada no prazer de seu marido, Charles Brandon, um dos maiores magnatas de Sydney. E ele está hipnotizado pelos encantos de Dominique. Mas, ao que tudo indica, ela se casou por dinheiro, e não por amor. Charles fica arrasado... e furioso! Só que ele não está preparado para abrir mão de sua mulher... não antes que sua paixão por ela tenha sido saciada... e a vingança, consumada!
segunda-feira, 4 de julho de 2016
Título original: True Believer
Título: O Milagre 
Autor: Nicholas Sparks
Tradução: Elvira Serapicos
Editora: Agir
Ano: 2010
Comprar: Nos seguintes sites: Amazon, Americanas, Submarino, Livraria Saraiva, Livraria Cultura e Livraria Folha


Resenhas:

A décadas o cemitério da pequena cidade de Boone Creek vem apresentando um fenômeno sobrenatural com luzes misteriosas. Para tentar resolver o mistério, uma moradora local manda uma carta ao um jornalista investigativo mais badalado do momento. Curioso com o relato da moradora, o mocinho vai para o pequeno município e acaba encontrando muito mais do que gostaria.

Bom, a história em si é muito batida, pois já foi contada inúmeras vezes, pelos mais diversos autores. O que realmente interessa aqui neste enredo são os personagens cativantes e suas histórias, então, vamos a eles:

O primeiro tem que Jeremy, o mocinho da trama, jornalista, investigador, que gosta de resolver os mistérios através da área cientifica. Para ele tudo tem uma explicação racional. Tem um prazer incondicional de desmascarar os médiuns que dizem falar com os espíritos e desmistificar assuntos ou lendas sobrenaturais. É um homem cético.

Lexie, a mocinha, belíssima, charmosa, misteriosa, sexy e bibliotecária. Sofreu uma série de desilusões amorosas, por isso, principalmente no inicio, trata nosso mocinho de forma arrogante e chega em alguns momentos a ser grosseira sem necessidade. Precisa para de se boicotar.   

Doris, definitivamente esta senhora tem o Dom, além de sensitiva é uma figura extraordinária, aparenta estar alheia ao que esta acontecendo ao seu redor, mas na realidade ela é o fio condutor de tudo. Ela tem papel decisivo no romance, pois abre os olhos de Jeremy para realidade.

Tuly, outro personagem incrível, figura excêntrica, fala pelo cotovelos, é idoso e dono do posto de gasolina da cidade, além de ser um encantador fofoqueiro.

Rodney, vice-xerife, super protetor, sua proteção se estende a todos sem exceção sendo moradores ou não, mesmo quando a pessoa não quer ser protegida, lá está ele. Gosta de malhar, pela descrição é um gatão bombadão, tem uma paixão platônica por Lexie. Mas está começando a ver com outros olhos uma certa garçonete, aí tem…

Rachel, garçonete do restaurante de Doris, uma das personagens mais divertida da trama, ela se empolga com tudo, ao mesmo tempo é uma pessoa carente, mas acredito que um certo homem da lei poderia resolver seus problemas. 

Alvin, imagine um metaleiro chegando numa cidade pequena e fechada como Boone Creek, só poderia dar em confusão, além do mais é cinegrafista e melhor amigo de Jeremy.

E por fim o extravagante, cativante e agitado Prefeito Gherkin, coitado ele tem ótimas intenções, é uma boa pessoa, mas é como todo político.

É isso, há outros personagens, mas neste caso terá que ler para se deparar com as outras figuras de Boone Creek. 

RECOMENDADÍSSIMO!!!



Contra Capa:

Jeremy Marsh é um nova-iorquino típico e circula entre a elite da mídia. Especialista em desmistificar o sobrenatural em uma coluna regular na Scientific American, acaba de fazer sua primeira apresentação na TV americana. Ao receber uma carta da pequena cidade de Boone Creek, Carolina do Norte, relatando fenômenos com luzes fantasmagóricas no cemitério local, ele não resiste e decide investigar o caso pessoalmente. Nessa comunidade fechada, Lexie Darnell dirige a biblioteca da cidade, ocupando o lugar que já havia sido de sua mãe, antes de morrer um acidente. Decepcionada com relações amorosas do passado, incluindo uma que a afastou de sua cidade natal, a única certeza que ela tem na vida é de que seu futuro está em Boone Creek, perto da avó que a criou quando ficou órfã.

Jeremy programa uma semana de trabalho na pequena cidade, já pensando em voltar rapidamente a Nova York. Mas assim que bota os olhos em Lexie, sente-se curioso e atraído por essa mulher de voz macia e beleza desconcertante. E, apesar de relutar, Lexie percebe que Jeremy começa a ocupar seus pensamentos com mais frequência do que gostaria de admitir.

Agora, Jeremy Marsh precisa fazer uma escolha difícil: voltar para a vida que conhece ou fazer algo que nunca fez antes - deixar-se levar pela fé? Falando dos ricos que devemos correr e dos caminhos ditados pelo coração. O Milagre fará com que você também acredite no amor.   
sábado, 2 de julho de 2016
Título original: Raintree: Inferno
Título: Inferno
Autor: Linda Howard
Tradução: Maurício Araripe
Série: Raintree 01
Editora: Harlequin
Ano: 2011
Comprar: Infelizmente só nos sebos.


Resenha:

Estou surpresa ou melhor totalmente em choque. 

Já acompanho, há anos, a autora Linda Howard, sempre que possível estou lendo seus livros, normalmente são livros com vários temas, onde há muita sensualidade, sentimentos e questões a serem resolvidas. Não há dúvida sobre seu talento para escrever sobre relacionamentos entre um homem e uma mulher.

Normalmente seus livros são realistas, não há nada de sobrenatural, onde seus personagens são normais, são pessoas que vivem nas montanhas, no Texas ou numa cidade grande; com seus traumas, suas paixões e seus conflitos. Mas que estão a procura do amor, querem a felicidade. Tudo normal!!!

Acredito que Inferno seja o livro fora do seu gênero comum, nunca havia lido um livro da Linda que seguisse essa linha. Ainda estou tentando digerir, não sei se gostei. É tão diferente do habitual, é obvio que os personagens são ótimos, mas fiquei com a sensação de faltou algo. 

Não posso esquecer que a história não termina neste livro, pois ele é a primeira parte de uma trilogia, digamos uma introdução. Os outros dois são de autoras diferentes que não conheço. Talvez o que realmente falte neste livro é o fim. Mesmo numa série Linda Howard costuma colocar um epílogo fim. Neste acaso teremos que sofrer e esperar. 

Apesar de tudo:

RECOMENDO!!!!



Contra Capa:

Inferno

Duzentos anos após terem sido derrotados pelos Raintree, os magos de Ansara estão de volta e querem vingança. Dante Raintree é o mais poderoso de seu clã, mas seu coração e sua lealdade são postos à prova coma presença de Lorna Clay, uma mulher que neutraliza sua capacidade de controle sobre o fogo. Porém, algo mais forte do que ele o impede de se afastar dela. Agora, Dante terá de enfrentar a maior batalha de sua vida, sema certeza de que seus poderes serão suficientes para aniquilar os Ansara.



“Impossível ler somente um livro da Linda Howard!”
-Catherine Coulter, autora best seller do The New Yprk Times

“Uma mestre da narrativas de tirar o fôlego.”     
-Romantic Times BOOKreviews

Quem sou eu

Minha foto

Sou Jornalista, artesã, corredora(pelo menos tô começando), leitora fanática..., mas tem a cara de pau de achar que ainda pode dar conta de um blog, acredita?

Facebook

Visualizações

Tecnologia do Blogger.

Seguidores

Pesquise no blog

Meus livros no Skoob

Instagram

Popular Posts

Goodreads

Adriana's books

This Calder Sky
5 of 5 stars
Os Donos da Terra Janet Dailey Isabel Paquet de Araripe A Saga da Família Calder 01 Record 1983 Já devo ter mencionado, em outra resenha de algum livro da Janet Dailey, mas é necessário reforçar. Os personagens que está autora cria são ...
The Unexpected Millionaire
5 of 5 stars
Inesperado Susan Mallery The Million Dollar Catch 02 Harlequin 2014 Meu Deus!!! Como não se apaixonar por Willow? Impossível, é uma personagem cativante, hilária, espertinha, carinhosa e solidária. Não é atoa que Kane se apaixona d...
Das Kartengeheimnis
5 of 5 stars
O Dia do Curinga Jostein Gaarder Cia. Das Letras Ano: 1999 Já vou avisando, qualquer exagero, disparate, heresia ou algo que valha; escrito por mim nesta resenha, não pode ser classificado com absurdo, ok? Porquê? Muito simples. Sou ...
1808
5 of 5 stars
1808 Laurentino Gomes Planeta 2009 Apesar de estar ligado à história, Laurentino Gomes não é historiador ou biografo. Ele é jornalista. Por isso, talvez, posso dizer que este livro tem uma linguagem e uma compreensão dinâmica. Com mu...
Dance to the Piper
5 of 5 stars
Maddy Nora Roberts Os OHurley 02 Harlequin 2014 Não há dúvidas que Maddy é a mais maluquinha das trigêmeas. Identifiquei-me com muito com ela. É uma pessoa positiva, sem medo de arriscar e encarar o desconhecido. Quando se apaixona...

goodreads.com

Translate

Follow by Email